O trabalho invisível das mães e a Síndrome de Burnout



Síndrome de Burnout é uma resposta negativa do corpo, quando submetido a um estresse prolongado e intenso. É uma das consequências da vida atual: um estado de tensão emocional e estresse crônico provocado por condições de trabalho desgastantes.

A Síndrome de Burnout provoca vários sintomas que podem ser confundidos com outras doenças. Apresenta SINTOMAS PSICOSSOMÁTICOS (dores de cabeça, insônia, fadiga severa e dificuldades gastrointestinais) e/ou SINTOMAS EMOCIONAIS (ansiedade, depressão, irritabilidade e distanciamento emocional). As pessoas com síndrome de burnout sentem-se oprimidas e cansadas. Vivenciam sentimentos intensos de desamparo e desespero.

Nós mães trabalhamos em tempo integral, 24 horas por dia, 365 dias por ano. Além disso muitas de nós também trabalham e realizam a maior parte das tarefas domésticas. Manter tudo em ordem e limpo é uma das missões que muitas mulheres se impõem, mas quando essa ordem e limpeza sai de seu controle, surge um intenso sentimento de frustração e impotência.

Administramos várias tarefas, administramos pessoas, administramos o tempo. Procuramos cuidar de tudo e de todos, e não é raro ficarmos em segundo plano. Sem dizer, que tudo o que fazemos, muitas vezes parece invisível. Até tentamos ser uma mulher maravilha, mas em algum momento o corpo e a alma gritam.

Como evitar esse problema?

  • Aprenda a priorizar tarefas e faça somente aqueles que são realmente importantes. Se no final do dia não tiver feito tudo o que você tinha planejado em sua agenda, não se preocupe.

  • Reserve um tempo apenas para você. Aproveite para respirar, cochilar, ouvir uma música, um longo banho relaxante, ler algumas páginas de um livro.

  • Peça ajuda.

  • Assuma um estilo de vida mais saudável. Procure manter uma dieta saudável, praticar atividade física e aprender técnicas de relaxamento.

  • Procure ajuda de um profissional ao sentir que a carga está maior que suas forças.

#SindromedeBurnout #Cansaço #Estresse #Ansiedade #Fadiga #Esgotamento #Maternidade #Filhos #SerMãe #MãesReais #Mães #Angústia #Trabalho #Pósparto